quarta-feira, 7 de março de 2012

POR QUÊ...


Por quê? Porque, me diz?
Porque você quer me fazer tua?
Porque você quer me despir de minha dor?
Porque você quer me matar de desejos?
Dentro dos teus porquês eu fujo dos meus porquês
Porque eu não saberei responder os teus porquês...
Por quê? Porque me diz?

Ivete Barros, 07/03/2012, 03:20

Nenhum comentário:

Postar um comentário